Docilda

Aqui … com doçura, paixão e alegria, vida, sorrisos, sucesso e amor… sabedoria, esperança, caridade e diferenças, saudades, liberdade, dúvidas e certezas, …entre amigos ou família… quem sabe outras crenças …dias de sol ou de chuva… sem frescuras… dividimos…”segredos”.

{111}… Caio 22/03/2012

Filed under: Caio Fernando Abreu,Poesia,Solidão — docilda @ 11:29

“Não sou pra todos.

Gosto muito do meu mundinho, ele é cheio de surpresas, palavras soltas e cores misturadas.

Às vezes tem um céu azul, outras tempestade.

Lá dentro cabem sonhos de todos os tamanhos, mas não cabe muita gente,

todas as pessoas que estão dentro dele não estão por acaso: são necessárias.”

Caio Fernando Abreu

Anúncios
 

{109}… Vou ser feliz!!! 09/01/2012

Filed under: Caio Fernando Abreu,Poesia,Solidão — docilda @ 12:07
Tags:

“Vou ser feliz, sem me importar com o que isso irá causar aos outros…

o importante é que não estou fazendo mal a ninguém, pelo contrário!

Estou apenas enterrando as impurezas e toxinas da minha vida e deixando brotar uma bela e frutífera árvore,

e que seja doce”.

Caio Fernando Abreu 

Inspiração

 

{106}… Outro dia… 27/11/2011

Filed under: Clarice Lispector,Poesia,Solidão — docilda @ 17:31

“Ainda bem que sempre existe outro dia.

E outros sonhos.

E outros risos.

E outros amores.

E outras pessoas.

E outras coisas.”
(Clarice Lispector)

 

{098}… Florbela 04/02/2011

Filed under: Florbela Espanca,Poesia — docilda @ 12:49

“O meu mundo não é como o dos outros,

quero demais,

exijo demais,

há em mim uma sede de infinito,

uma angústia constante que nem eu mesma compreendo,

pois estou longe de ser uma pessimista;

sou antes uma exaltada,

com uma alma intensa,

violenta,

atormentada,

uma alma que tem saudade …

sei lá de quê!”

. Florbela Espanca.

 

{093} Saudade 03/02/2011

Filed under: Poesia — docilda @ 21:31
Faz parte de mim amar à distância.
Não sei se amo porque está longe ou estar longe é que me faz amar.
A medida que o mundo gira, vivo constantes mudanças e isso faz com que eu deixe parte de mim em vários lugares, com várias pessoas, através de objetos, sentimentos, lembranças.
Amores, amigos, meu gato Teobaldo, minha melhor amiga em Portugal, lugares, cheiros, momentos….
Meu coração tem muitas gavetas.
Foi dividido assim para que nada se perca nessa minha viagem.
Estou fadada em algum momento dizer:
já venho, volto logo, até mais….
Mas nunca, nunca, adeus ….

Mônica T.

 

{092} Hoje eu quero… 17/01/2011

Filed under: amizade,Citações,Inspiração,Poesia — docilda @ 13:36

HOJE EU quero
me sentir muito alegre,
feliz com a minha vida,
não pensar no passado,
viver o meu dia com muita intensidade,
me distrair com coisas simples,
agradecer pelas bençãos que recebo do meu bondoso Deus, sorrir e
cantar, enfim, valorizar o meu momento presente.

Hoje eu quero ouvir minhas músicas preferidas,
olhar as nuvens que passam,
as flores nos jardins, os pássaros a voar,
as águas que rolam tranquilas
naquele meu riacho tão lindo e misterioso,
pisar a terra de pés descalço
e principalmente, sentir que não estou sozinha.

A brisa, o ar, o calor, a luz, a paz, a saudade
e esse sentimento de plenitude, me fazem companhia .

Não deixarei que as lágrimas rolem pelo meu rosto. Vou colocá-las
no santuário do meu peito como holocausto
pelas dores do passsado e esperar por um futuro radiante…

Hoje eu quero ser FELIZ !

Mônica T.

 

{088} Vaidade 03/07/2010

Filed under: Florbela Espanca,Livros,Poesia — docilda @ 21:15
Tags:
“Sonho que sou a Poetisa eleita,
Aquela que diz tudo e tudo sabe,
Que tem a inspiração pura e perfeita,
Que reúne num verso a imensidade!
Sonho que um verso meu tem claridade
Para encher o mundo! E que deleita
Mesmo aqueles que morrem de saudade!
Mesmo os de alma profunda e insatisfeita!
Sonho que sou Alguém cá neste mundo…
Aquela de saber vasto e profundo,
Aos pés de quem a Terra anda curvada!
E quando mais no céu eu vou sonhando,
E quando mais no alto ando voando,
Acordo do meu sonho…
E não sou nada!…”

♥ Florbela Espanca ♥